Jackie Chan – Curiosidades sobre a vida do ator

jackie chan

Conheça mais sobre a vida de Jackie Chan. Veja curiosidade sobre esse icônico ator que marcou época.

A vida de Jackie Chan não foi nada fácil. Embora muitos só conheçam sua história cinematográfica, seria bom observar sua história de vida também. Jackie passou por muita, muita coisa, incluindo quase ser vendido pelos próprios pais e quase morrer nos sets de filmagens.

Nascido em 7 de abril de 1954, ele está casado com Lin Feng Jiao desde 1982 e possui um filho, Jaycee Chan, e uma filha, Etta Ng Chok Lam. Hoje o ator já está com 64 anos, mas vamos começar do início!

A Vida de Jackie Chan

Existe uma teoria de que o pai de Chan seria um espião do governo nacional chinês e foi por isso que ele e sua esposa, Lee-Lee, fugiram juntos para para Hong Kong onde Jackie nasceu.

No entanto, eles não tinham uma boa condição de vida para cuidar da criança. Pouco depois do nascimento do bebê, eles tentaram vender o pequeno Chan para um médico britânico, mas não tiveram sucesso.

Jackie viveu com seus pais até aproximadamente seus sete anos de idade, quando eles decidiram ir tentar a sorte na Austrália e deixaram seu filho para ser criado e educado na China. Ele foi enviado para uma instituição onde teve aulas de teatro, acrobacia e artes marciais, mas nem tudo foram flores. Jackie sofreu punições físicas várias vezes por não ser bom o suficiente e teve que se virar sozinho enquanto estava lá.

Nascido em Hong-Kong

Mas, se Jackie nasceu em Hong-Kong, por que um nome tão ocidental? Na verdade, seu verdadeiro nome é Chan Kong-San, que significa nascido em Hong-Kong. Quando cresceu, Chan decidiu ir atrás de seus pais, que haviam o deixado para trás. E foi na Austrália que ele começou a trabalhar como operário e ganhou o apelido. Jackie Chan acabou virando seu nome artístico desde então.

Sua carreira começou aos 8 anos que foi quando ele apareceu no cinema pela primeira vez, com o filme cantonês Big and Little Wong Tin Bar.

Não demorou quase nada para ele pegar gosto pela coisa. Nos anos 80, Chan se mudou para Los Angeles, para trabalhar no cobiçado mercado de Hollywood. Foi lá que ele conseguiu seu reconhecimento mundial, trabalhando em filmes como A Hora do Rush e Bater ou Correr.

No entanto, é interessante salientar que o ator detesta a maneira hollywoodiana de fazer as coisas. Ele odeia coisas pré-definidas e gosta de se arriscar sempre em algo novo. Jackie nem mesmo teria trabalhado nas franquias que citei acima se não fosse pelo dinheiro que elas o renderam.

Os filmes de artes marciais

E seu primeiro filme como protagonista foi Little Tiger from Canton, de 1973. Já sua estreia como diretor foi no filme The Young Master, de 1980. Esse longa ficou como um marco nos filmes de artes marciais, sendo o primeiro a misturar comédia-pastelão com ação.

Mas uma das coisas que mais incomodou o ator em seu início de carreira foi o fato das pessoas sempre quererem que ele se comportasse como Bruce Lee. Jackie queria criar um estilo próprio e não ser uma cópia, como boa parte dos diretores queriam.

Em 1982, Jackie Chan entrou no livro dos recordes pela primeira vez, com o filme “Dragon Lord”. A cena inicial do longa foi refeita cerca de 2,9 mil vezes! Um perfeccionismo absurdo que rendeu a Chan, que trabalhava como ator e diretor nesse enredo, um lugar no Guinness Book como a cena que mais teve takes na história do cinema.

Marcando época

Alguns anos depois, em 2012, o ator entrou novamente na lista de feitos incríveis, dessa vez com o filme “Operação Zodíaco”. Mas o que surpreendeu dessa vez não foi a quantidade de takes, mas sim a quantidade de funções que Jackie ocupava simultaneamente! Ele foi ator, roteirista, diretor, diretor de fotografia, cantor da música tema do filme, compositor, dublê, diretor de arte, produtor, coordenador de dublês e até fez um bico de fornecedor de comida! Cansa só de pensar, né?

E se você só ficou sabendo agora que Jackie canta, fique sabendo também que foi ele o responsável pela versão chinesa da música tema do filme Mulan, da Disney! Confira o vídeo logo abaixo!

Desde a década de 70, Jackie treina dublês para o cinema. Sua escola para dublês e artistas marciais se chama Jackie Chan Stunt Team! Mas você sabe porque ele é tão procurado por dublês? Bem, digamos que ele odeia ser substituído em seus filmes, mesmo em cenas perigosas. Daria para fazer um post inteiro sobre todas as cenas perigosas que o ator já teve que encarar e, sim, ele tem medo de todas elas.

Jackie Chan Charitable Foundation é o nome da instituição de caridade que o astro criou em 1988. O papel da instituição é passar grandes quantidades de dinheiro para vários programas sociais, além disso, ele também financia várias bolsas de estudo.

O Oscar

Em novembro de 2016, Jackie Chan ganhou o Oscar Honorário, prêmio entregue as figuras do cinema que deixaram sua marca. Uma especie de homenagem a todos que dedicaram sua vida a arte de atuar, produzir ou qualquer outra coisa nas telonas. Em seu discurso, ele relembrou sua trajetória e contou que uma vez seu pai disse: “Quando você vai ter um Oscar?” Isso tudo naquele tom de piada que amamos. Na ocasião, ele reforçou seu orgulho por ser chinês e agradeceu a todos os fãs por suas conquistas.

fonte: https://www.minhaseriefavorita.com/2018/09/01/a-vida-de-jackie-chan-melhores-curiosidades/

Deixe sua opinião, dúvida ou crítica!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.