Conheça todos os trajes já usados pela Mulher-Maravilha

Você já deve saber, em 2017 estreia o filme da Mulher-Maravilha. Para quem não aguenta de tanta ansiedade, já é possível ver a heroína no longa “Batman vs Superman: A Origem da Justiça”.

Se você não conhece muito sobre a nossa personagem do dia, pode começar lendo este post que conta a origem da Mulher-Maravilha e mostra as duas mulheres que inspiraram a sua criação.

Quando falamos em determinados heróis, é bem possível que você consiga imaginar de imediato os trajes, as cores e até os acessórios que compõem os personagens. Com a Mulher-Maravilha, não poderia ser diferente: espartilho, vermelho, azul e estrelas. Talvez essas sejam algumas das características mais marcantes.

Porém, ao longo dos anos, ela teve seu visual alterado, tanto nos quadrinhos quanto na TV e no cinema! Confira agora todas as mudanças ao longo destes 75 anos:

A tendência da década de 1940 eram os super-heróis patrióticos — não por coincidência, o Capitão América foi criado na mesma época. Por isso, a Mulher-Maravilha ganhou suas estrelas e a águia em seu peito.

Você certamente se lembra da roupa consideravelmente “curta” da personagem, mas antes ela usava short semelhante ao das atletas. Mesmo que hoje eles pareçam grandes e desajeitados, naquela década eles foram considerados ofensivos, e o quadrinho entrou em uma lista de “livros proibidos”.

As sandálias, usadas em 1949, tiveram inspiração grega. Nessa ocasião, o short começou a diminuir.

A partir de 1959, a águia na roupa passou a ser retratada de maneira mais simples. Em 1969, o short começou a ficar mais próximo do que nós conhecemos, e as botas vermelhas voltaram a fazer parte do visual.

Em 1972, a heroína tinha o design que foi usado como base para a personagem em “Super Amigos”.

Em 1974, um filme feito para o canal ABC trouxe uma Mulher-Maravilha loira, com um traje completamente diferente e sem os seus poderes.

Quando o longa não foi o sucesso que se esperava, eles resolveram retornar às características originais na série protagonizada por Lynda Carter. Pela primeira vez, os braceletes da personagemsão da cor prata.

A ABC não renovou o contrato da série para uma segunda temporada. Quando o programa foi comprado pela CBS, a roupa da heroína recebeu mais algumas modificações.

Em 1982, a águia deu espaço ao “W”, que se tornaria símbolo da heroína. O responsável por essa mudança foi o designer gráfico Milton Glaser.

Em 1987, a personagem ganhou mais cabelo do que nunca, e seus saltos desapareceram.

A década de 1990 trouxe uma baixa nas vendas dos quadrinhos. Com isso, a “tanga” da Mulher-Maravilha diminuiu consideravelmente.

São poucas as pessoas que reconheceriam a personagem neste traje de 1995. Ninguém aprovou a novidade, nem mesmo o designer Brian Bolland, responsável pela mudança.

Foi então que, no mesmo ano, John Bryne voltou ao visual clássico, mas com algumas alterações: ele aumentou o tamanho das braçadeiras e o formato da parte de cima da roupa. Além disso, ela só tinha duas estrelas em sua roupa.

Já em 1998, o artista Adam Hughes representou o emblema da Mulher-Maravilha de uma forma sólida e sem detalhes.

Em 2006, Terry Dodson voltou a transformar o emblema em uma águia e acrescentou o “WW” no cinto.

Quatro anos depois, em 2010, Jim Lee tomou a decisão de colocá-la em leggings, o que causou polêmica e não agradou os fãs.

Jim Lee voltou para a prancheta, com ajustes feitos por Cully Hamner e Cliff Chiang. O resultado ficou mais perto do visual clássico, mas com um esquema de cores mais escuro.

Desenhada por David Finch, a nova roupa tinha a intenção de representar a transição da Diana de princesa a rainha, além de alinhar o seu traje com o dos seus companheiros da Liga da Justiça.

No mesmo ano, Jenn Rahardjanoto, a primeira mulher a ter desenhado a Mulher-Maravilha para a DC, mostrou um visual bem diferente para a personagem.

Para os filmes, a heroína, interpretada pela atriz Gal Gadot, ganhou um visual que se aproximou mais de sua história de origem. Porém, a armadura acabou sendo comparada à da “Xena: a Princesa Guerreira”.

fonte:megacurioso.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *