A Dança da Morte começa a contratar seu elenco

Nat Wolff (Palo Alto) é o primeiro ator a se juntar ao elenco de A Dança da Morte (The Stand), adaptação ao cinema do livro homônimo de Stephen King.

Wolff foi contratado por Josh Boone, com quem trabalhou junto em Ligados pelo Amor e A Culpa é das Estrelas. “Ele é um ótimo improvisador, é a minha arma secreta, meu pé de coelho da sorte. […] Ele vai estar em todos os filmes que eu fizer“, disse Boone ao THR.

Na trama de A Dança da Morte, os poucos sobreviventes de um mundo devastado por uma epidemia têm que se dividir em uma definitiva batalha entre o bem e o mal. Enquanto os seguidores do demoníaco Randall Flagg tramam reconstruir o mundo com sua imagem sombria, um corajoso grupo assume uma heróica missão contra Flagg e seu bando.

O papel de Wolff no filme ainda não foi divulgado. David Kajganich (Invasores) é o autor do roteiro mais recente.

A Dança da Morte (original: The Stand) é um romance do escritor norte-americano Stephen King, publicado originalmente em 1978. Recebeu uma edição expandida (The Stand: The Complete & Uncut Edition) em1990, e uma adaptação para a televisão em forma de minissérie em 1994, pela rede norte-americada ABC.

O romance segue o gênero pós-apocalíptico, retratando um mundo devastado por uma grande peste durante a década de 1980 (ou seja, em um futuro próximo, considerada a época do lançamento do livro).

O romance está estruturado em 3 partes distintas, em sequência cronológica, cada uma desenvolvendo uma etapa específica da história.

O Capitão Viajante (Captain Trips)

A peste (supergripe, gripe azul ou capitão viajante) alastra-se pelo mundo, matando em pouco tempo a quase totalidade da população mundial. Os poucos sobreviventes começam a unir-se uns aos outros até formar 2 grandes grupos: o primeiro, guiado espiritualmente por Mãe Abagail, e o segundo, sob uma obscura influência de Randall Flagg.

Na Fronteira (In The Border)

Os seguidores de Abagail instalam-se em Boulder, no Colorado, onde começam a reconstruir a sociedade como eles a conheciam. Em Las Vegas, os seguidores de Flagg implementam uma autocracia orientada para a busca de poder bélico e fortemente centrada no próprio Flagg. A posição de ambas cidades uma em relação à outra, separadas quase que apenas pelas Rochosas, denuncia a condição de antagonismo que seus respectivos líderes já previam.

O Confronto (The Stand)

A coexistência entre as duas sociedades torna-se impossível após um ataque à sede do comitê da Zona Livre revelar-se manipulado indiretamente pelo próprio Flagg. Finalmente, os membros sobreviventes do comitê resolvem confrontar-se com Randall Flagg, dirigindo-se até Las Vegas, munidos apenas de sua própria fé.

fonte:omelete.uol.com.br , wikipedia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.