Lista de Filmes de Tim Burton

Mais que um cineasta, Tim Burton é um artista.
Seus filmes têm quase sempre visual gótico, influenciado por velhos clássicos de terror.

Também têm sempre um personagem desajustado ou um tanto enlouquecido, que encaixou-se perfeitamente na pele de seu ator-fetiche, Johnny Depp, mas já foi encarnado antes por Jack Nicholson,  Michael Keaton, Pee-Wee Herman ou até por bonecos animados.

Apesar de visualmente exuberantes, seus filmes padecem de uma crônica falta de ritmo e de roteiros bem elaborados.
Esta lista traz 10 filmes, que dão um panorama da carreira de Burton.

1.  As Grandes Aventuras de Pee-Wee (veículo para o apresentador de programas infantis Pee-wee Herman – o mesmo que foi pego “com as calças arriadas” numa sala de cinema, o que enterrou sua carreira. ele é uma criança no corpo de um homem e embarca numa aventura pelos EUA, em busca de sua bicicleta, que fora roubada. estreia de Burton em longas, muito melhor que a encomenda)

2.  Beetlejuice, os Fantasmas se Divertem (um casal recém falecido contrata um bio-exorcista – Michael Keaton – para expulsar os novos proprietários da sua casa. comédia inventiva, mas sem ritmo, que consagrou o diretor e ajudou a definir seus caminhos)

3.  Batman (ótima aventura, que marcou o renascimento do homem-morcego nas telas. o visual gótico e o genial Coringa, vivido por Jack Nicholson, tornaram-se referência para uma leva de bons filmes baseados neste e em outros heróis dos quadrinhos)

4.  Edward Mãos-de-Tesoura (e Tim encontrou Johnny… primeira colaboração do ator Johnny Depp com o diretor, vivendo um andróide criado por um inventor maluco – Vincent Price -, que tem tesouras no lugar das mãos. com a morte do ‘pai’, o jovem fica sozinho, até a chegada de uma vendedora de Avon – a ótima Dianne Wiest -, que o adota e ajuda a descobrir seus talentos. filme simpático)

5.  Ed Wood (o melhor filme de Burton, com Johnny Depp perfeito, como o esquisito Ed Wood, famoso por ser o pior diretor de cinema de todos os tempos. toda a esquisitice do universo deles se encontra em perfeita harmonia. Martin Landau, no papel do ator Bela Lugosi ganhou um merecido Oscar de ator coadjuvante)

6.  A Lenda do Cavaleiro Sem Cabeça (em 1799, um investigador é enviado ao condado de Sleepy Hollow para desvendar o mistério do cavaleiro sem cabeça, que aterroriza os moradores. bom suspense com ótimo clima e direção de arte excepcional, ganhadora do Oscar)

7.  Peixe Grande e Suas Histórias Maravilhosas (Ed Bloom – Ewan McGregor quando jovem e Albert Finney como velho – é um grande contador de histórias. misturando fantasia e realidade, adora contar as aventuras e as figuras que conheceu pelo caminho, desde que saiu de sua cidade natal, para dar a volta ao mundo. bom filme, baseado no livro de Daniel Wallace)

8.  A Fantástica Fábrica de Chocolate (boa refilmagem do clássico, estrelado por Gene Wilder. aqui, em seu lugar está Johnny Depp como o esquisito – de novo! – dono de uma fábrica de doces, que sorteia convites para cinco crianças conhecerem sua misteriosa fábrica. ótima direção de arte, como sempre, mas desta vez com um bom ritmo, favorecido pelo excelente livro de Roald Dahl)

9.  Sweeney Todd (na Londres do século 19, um barbeiro vive feliz com sua família, quando é mandado para a prisão injustamente por um juiz, interessado em sua esposa. 15anos depois de um exílio na Austrália, ele retorna sob nova identidade, com sede de vingança. monta uma barbearia onde assassina seus clientes, fornecendo carne para as famosas tortas de sua vizinha. ótima comédia musical de humor para lá de negro)

10.  Alice no País das Maravilhas (inspirado nos personagens de Lewis Carroll, Burton chegou ao seu maior sucesso de público, mas não de crítica. conta – em ótimo 3D – a história da menina Alice, agora com 19 anos, que volta à ‘Underland’, um mundo fantástico onde ela vai parar quando cai num buraco, ao perseguir um estranho coelho. o filme tem todas as qualidades e defeitos habituais do diretor, mas a direção de arte, o marketing e quase 1 bilhão de dólares de bilheteria, fazem este filme entrar para a história do cinema pela porta da frente)

fonte:listade10.blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *